Programa Geral

O Carnaval de Torres Vedras tem uma longa tradição e um lugar especial nas festividades em Portugal. Evento singular, o Carnaval de Torres Vedras tem preservado as suas tradições e garantido a segurança de todos os foliões e visitantes, apesar da tendência de crescimento das últimas décadas.

Em 2022 continua a ser inviável, no contexto pandémico em que vivemos, realizar a festa na rua, com a proximidade e espontaneidade que é um traço de identidade do “Carnaval mais português de Portugal”. Por este motivo a Câmara Municipal de Torres Vedras e a empresa municipal Promotorres decidiram não organizar desfiles e festejos do Carnaval de Torres Vedras.

 

 

5 de fevereiro a 2 de março

Monumento ao Carnaval de Torres Vedras 2022

Local: Praça da República

O Monumento ao Carnaval de Torres Vedras encontra-se na Praça da República, no centro da Cidade, até ao dia 2 de março.

É na “Cidade Carnaval” que aterra uma “AeroVacina” pilotada pela presidente da Câmara Municipal de Torres Vedras, Laura Rodrigues, enquanto o vice-almirante Gouveia e Melo coordena as manobras em terra.

Ao aterrarem, os Reis do Carnaval de Torres Vedras encontram Joe Berardo, Marcelo Rebelo de Sousa, Eduardo Cabrita, Cristina Ferreira e Manuel Luís Goucha a encarnarem o papel de cabeçudos, enquanto acompanham os tradicionais Zés Pereiras.

António Costa vacina o Zé Povinho com uma dose de “resiliência”, Graça Freitas e Marta Temido “cavalgam” a luta contra a COVID-19 e Ricardo Salgado toma um luxuoso banho na cidade do “Carnaval mais português de Portugal”.

Ao “desfile” de personalidades nacionais juntam-se representantes das associações carnavalescas, numa homenagem às figuras que marcam o Carnaval de Torres Vedras.

O Monumento ao Carnaval de Torres Vedras 2022 contou com conceção e coordenação artística de Bruno Melo. 

 

5 de fevereiro a 2 de março

Loja Oficial do Carnaval de Torres Vedras

Local: Praça 25 de Abril

2ª a 6ª: 12h00 às 19h30
Sábado: 10h00 às 18h00
Domingo: 10h00 às 16h00 

 

11 de fevereiro | 21h00

Monumento ao Carnaval de Torres Vedras 2022: da ideia à construção

Local: Página de Facebook, Instagram e canal de Youtube do Carnaval de Torres Vedras

Este ano, o Monumento ao Carnaval de Torres Vedras homenageia algumas das personagens que caracterizam o Carnaval.

Das associações carnavalescas a Suas Altezas Reais, sem esquecer os cabeçudos e os Zés Pereiras, a sátira é a palavra-chave para celebrar a “Cidade Carnaval” na Praça da República, no centro de Torres Vedras.

Mas dos primeiros esboços à instalação do Monumento houve um longo processo, que agora é retratado neste making of: modelar, soldar, pintar e montar, sempre ao ritmo da sátira e da criatividade que caracterizam o Carnaval de Torres Vedras.

 

20 de fevereiro | 16h00

Visita guiada ao Centro de Artes e Criatividade de Torres Vedras

Local: Centro de Artes e Criatividade de Torres Vedras

Visitar o Centro de Artes e Criatividade de Torres Vedras assume-se como uma incursão no mundo das celebrações carnavalescas, numa viagem que promete celebrar a vida, a sátira, a transformação, a libertação e a transgressão.

Uma visita que proporciona um novo olhar sobre a exposição permanente Carnaval: Ritos, Artes e Criatividade, que além de explorar traços comuns, também dá a conhecer toda a diversidade de carnavais que se assinalam um pouco por todo o mundo.

Esta visita, que também engloba a exposição temporária Carnaval Desenhado, será dinamizada pelo artista Fernando Sarzedas e pelo Serviço Educativo do Centro de Artes e Criatividade.

Info e inscrições: 261 067 601 |cac.rececao@cm-tvedras.pt

Limite máximo por sessão: 40 pessoas

 

 

21 de fevereiro a 2 de março

“Cidade Carnaval” - Exposição de fotografia

Local: Avenida 5 de Outubro (em frente ao Edifício Multisserviços da Câmara Municipal de Torres Vedras)

Os torrienses vivem esta narrativa melhor que ninguém: do Corso Escolar à Chegada dos Reis, do concurso de mascarados aos corsos que “inundam” as ruas do centro da Cidade, até aofatídico Enterro do Entrudo.

São seis dias de folia aguardados ao longo de todo o ano e que agora são revisitados nesta exposição de fotografia, junto ao Edifício Multisserviços da Câmara Municipal de Torres Vedras.

A exposição revisita registos de uma cidade que, todos os anos, fica entregue aos Reis do Carnaval de Torres Vedras, numa “monarquia” onde quem reina são os foliões.

 


22 de fevereiro | 21h00

Programa “Cidade Carnaval”

Local: Página de Facebook do Carnaval de Torres Vedras

O Monumento ao Carnaval de Torres Vedras, em pleno centro da Cidade, será o pano de fundo de Cidade Carnaval, um programa que irá celebrar aquele que é um dos maiores eventos do concelho de Torres Vedras.

Associações carnavalescas, figuras marcantes do Carnaval,Câmara Municipal de Torres Vedras e Promotorres irão passar pelo programa, numa emissão inédita que irá juntar o jornal Badaladas, a ON FM, a RadiOeste, o Torres Vedras Web e a RTVON. 

Cidade Carnaval promete, ainda, uma série de reportagens sobre “histórias escondidas do Carnaval de Torres Vedras”, que promete surpreender os foliões mais atentos. 

 

24 a 27 fevereiro

“O Carnaval” de Nuno Saraiva

Local: Nacional 8, Torres Vedras (entre a rotunda São Gonçalo de Lagos e o Centro de Artes e Criatividade de Torres Vedras)

Nuno Saraiva será o autor de um mural que retrata momentos emblemáticos do Carnaval de Torres Vedras.

As ruas e os edifícios da Cidade são o pano de fundo para um desfile de carros alegóricos marcados pela sátira política.

Um mural que nos leva numa autêntica viagem no tempo, desde o pós-25 de Abril até à atualidade.

 

25 fevereiro a 2 de março (exceto 28 de fevereiro)

Exposições no Centro de Artes e Criatividade de Torres Vedras
Entrada gratuita

Local: Centro de Artes e Criatividade de Torres Vedras

Num ano em que os tradicionais festejos do Carnaval de Torres Vedras foram cancelados, celebre a folia ao visitar, gratuitamente, o Centro de Artes e Criatividade de Torres Vedras.

Na exposição Carnaval: Ritos, Artes e Criatividade fique a conhecer 33 carnavais de 7 regiões do mundo. Do norte da Europa ao sul mediterrânico, de África ao sudeste asiático, das Caraíbas ao Brasil, a viagem explora as diferentes artes do Carnaval nas suas mais variadas expressões.

E com o Carnaval de Torres Vedras a celebrar o seu centenário em 1923, fique a saber mais sobre a história e as características de um carnaval que se caracteriza pelo envolvimento da comunidade. Nesta exposição, os artistas locais que criam os carros alegóricos, as associações carnavalescas, matrafonas e até um corso aéreo ajudam a contar a história de um carnaval que acompanha a história e o desenvolvimento do país.

Aproveite, ainda, para visitar Carnaval Desenhado, a primeira exposição temporária deste equipamento cultural. Através do processo criativo das obras de seis autores, perceba como escultores e cartunistas de renome mundial desenvolvem o seu trabalho — da inspiração no quotidiano coletivo até ao objeto artístico final. 

 

25 fevereiro | 10h00

“O carnaval para os pequenos foliões”

Local: Página de Facebook, Instagram e canal de Youtube do Carnaval de Torres Vedras

Num ano em que os tradicionais festejos foram cancelados, os mais pequenos não deixam de brincar nem de pensar sobre um dos momentos mais aguardados do ano.

É sexta-feira de manhã e já ninguém fica indiferente: as ruas do centro da Cidade são invadidas por milhares de pequenos mascarados vindos de todo o Concelho e que vibram ao som da música, lançam confettis e serpentinas e não escondem o sorriso que dá início ao Carnaval de Torres Vedras.

O carnaval para os pequenos foliões é um vídeo que mostra o Carnaval de Torres Vedras pelos olhos das crianças, que têm sempre preparadas as respostas mais insólitas.

O vídeo conta com a participação da Creche do Povo, da creche da Santa Casa da Misericórdia de Torres Vedras e das escolas básicas de Monte Redondo e de São Pedro da Cadeira.

 

25, 26 e 27 fevereiro e 1 de março | 18h00

Minissérie Carnavalesca Torres Vedras, Cidade Carnaval

Local: Página de Facebook, Instagram e canal de Youtube do Carnaval de Torres Vedras 

Durante todo o ano, é nas Termas dos Cucos que Suas Majestades, os Reis do Carnaval de Torres Vedras, aguardam o sinal de que está na hora de regressar à “Cidade da Folia”.

Ao aterrar no Aeroporto Internacional de Torres Vedras, esperam ser recebidos, como é habitual, pela fervorosa multidão de foliões.

Mas para seu espanto, não está lá ninguém… Ou quase!

Indignados, Suas Altezas Reais exigem perceber o que andam a fazer os amantes de Carnaval que justifique tal despautério.

A tentar escapar ao “Covídio”, associações carnavalescas, grupos de mascarados e foliões espontâneos adaptam-se às circunstâncias, com a certeza de que irão matar o raio do “bicho”.

A esperança entra pelas portas de uma família tipicamente torriense (onde cabem Ministros & Matrafonas, Lúmbias, Fidalgos, Marias Cachuchas, SacÁdegas e qualquer folião), com o maldito “Covídio” a infetar-se a si mesmo… Atchim!

Será que o amor ao Carnaval é mais forte do que qualquer outro vírus?

Uma história com a assinatura da Real Confraria do Carnaval de Torres, protagonizada por e para todos os que fazem o Carnaval de Torres Vedras.

 

26 de fevereiro | 11h00; 12h00; 15h00
27 fevereiro | 11h00; 12h00; 15h00; 16h00
1 março | 11h00; 12h00

Documentário Matrafonas

Local: Centro de Artes e Criatividade de Torres Vedras

“Matrafona tem mulher na casa dela, nem esse sapato a fará parar (…)”
Samba da Matrafona

Das mais recatadas às mais exuberantes. Das mais humildes a Sua Alteza Real. Cada matrafona é única. Em comum, têm o facto de serem homens mascarados de mulher.

O documentário Matrafonas lança um olhar sobre este símbolo do Carnaval de Torres Vedras através da perspetiva de diferentes matrafonas, num momento de partilha da forma como vivem e sentem os seis dias de folia por que esperam todo o ano.

Aos testemunhos de diferentes matrafonas junta-se a participação de quem, não sendo matrafona, tem um papel ativo naquilo que é o Carnaval de Torres Vedras: o Padre Vitor Melícias, Ana Maria Batalha, maquilhadora da Associação Ministros & Matrafonas, Susana Félix, cantora, atriz e autora do Samba da Matrafona, António Ventura, da Real Confraria do Carnaval de Torres, Ana Almeida, antropóloga, e Isabel Rodrigues, costureira.

Um documentário de Mariana Castelo Branco produzido para a Câmara Municipal de Torres Vedras, com imagens captadas ao longo da preparação e realização do Carnaval de Torres Vedras 2020.

 

Duração: 14m06s

Limite máximo por sessão: 50 pessoas

 

26 fevereiro | 16h00

Estórias do Carnaval

Local: Página de Facebook, Instagram e canal de Youtube do Carnaval de Torres Vedras
Contar histórias é uma das atividades que mais inspira a partilha de momentos em grupo — especialmente quando se está em Torres Vedras, em plena época carnavalesca e se tratam de histórias sobre o Carnaval. A tertúlia “Estórias do Carnaval” irá reunir personalidades que irão partilhar as suas histórias carnavalescas:
  • Alfredo Reis (Mima) | Chanceler da Real Confraria do Carnaval de Torres e antiga Rainha do Carnaval
  • António Carneiro | Antigo vereador da Cultura e Turismo da Câmara Municipal de Torres Vedras (1983-1997) e antigo presidente da Comissão Organizadora do Carnaval
  • João Brandão de Melo | antigo rei do Carnaval
Um momento de comunhão — e quase de preparação do centenário do Carnaval de Torres Vedras, que se assinala em 2023 — feito de histórias com que, certamente, muitos torrienses se irão identificar.Info e inscrições: 261 067 601 | cac.rececao@cm-tvedras.pt

Limite máximo por sessão: 50 pessoas